Arquivo do blog

quarta-feira, 15 de agosto de 2018

Prefeitura realiza atendimento médico para alunos da rede municipal


A Prefeitura Municipal de Juazeiro do Norte, por meio de parceria entre as Secretarias de Saúde (Sesau) e de Educação (Seduc), está realizando, desde a última segunda-feira (13), atendimentos médicos para alunos de escolas da rede municipal. Serão 250 consultas ofertadas para crianças que foram encaminhadas pela Seduc, a partir da suspeita de possuírem alguma deficiência cognitiva, emocional ou social.

Os atendimentos estão sendo feitos por médicos da Atenção Primária e ocorrerão durante duas semanas, no Centro Regional de Referência em Saúde do Trabalhador (CEREST). O objetivo é identificar as crianças que precisam ser encaminhadas para consultas na Atenção Secundária, com especialistas, como neuropediatra, psicólogo e psiquiatra, por exemplo. Os diagnósticos irão ajudar as famílias na descoberta e tratamento de possíveis deficiências.

A secretária de saúde de Juazeiro do Norte, Francimones Albuquerque, ressalta que essa ação representa a forma de trabalhar da gestão do prefeito Arnon Bezerra, integrando os serviços das Secretarias em prol da população.

 “Esse suporte da Secretaria de Saúde é no sentido de melhorar a qualificação dessas crianças, para que elas possam ter um nível de aprendizagem melhor”, completa Francimones.

Para a secretária de Educação, Maria Loureto Lima, esses atendimentos fortalecem ainda mais a parceria da Seduc com a Sesau, que através do Programa Saúde na Escola (PSE) já realiza uma série de atividades nas escolas da rede municipal voltadas para o cuidado com a saúde dos alunos.

A dona de casa Renata Gonçalves acompanhou o filho de nove anos no atendimento médico. 

“Eu gostei muito desse atendimento porque eu vi a preocupação da escola, que viu o problema dele e encaminhou para cá. A gente foi para a escola e trouxeram a gente. Foi facilitado. Fazia tempo que ele precisava desse atendimento”, afirmou Renata. 

Com o diagnóstico e tratamento correto para a necessidade do filho ela acredita que o rendimento dele na escola irá melhorar, assim como o comportamento em casa.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe o seu comentário, a sua opinião