Santana do Cariri não precisa necessariamente de um nome novo e sim de uma pessoa com atitude nova à frente da prefeitura

Ranilson Silva | 20:17 |

Quarta-feira, 4 de dezembro de 2019

Cicim Macedo

A frase é do líder político Cicinho Macêdo ao se referir ao atual quadro político do município de Santana do Cariri com vistas às eleições de 2020 cujo tema foi tratado na última edição do programa FM Notícia na rádio Nova Olinda FM na terça-feira (3). Em contato com a coluna Eleições 2020 o Cicinho Macedo diz que “a população espera por atitudes novas em um novo governo e não a repetição de velhas práticas administrativas” que segundo ele são responsáveis pela atual crise de gestão que afeta a prefeitura "sem nenhum projeto de governo e problemas sérios em todos os setores" o que coloca o município na atual situação de crise.

O líder político parabenizou a posição dos vereadores João Cabral, Samuel Cidade, Luciene Soares, Tonhão Timóteo, Fernando Maia e Lucas Matias os quais se posicionaram, em nota publicada anteriormente, a favor de uma unidade do bloco de oposição, aglutinar as forças políticas que a compõem em torno da construção de um projeto que tenha como foco a população para depois partir para definição de nomes que representem uma alternativa ao atual modelo de gestão. 

Macedo afirmou que compartilha com os vereadores da mesma preocupação em ver o grupo de oposição unido em torno de uma proposta clara, séria e objetiva que possa elevar um projeto político a altura da população de Santana do Cariri a qual, segundo ele, carece de perspectivas de renovação de pessoas com atitudes novas e para o mesmo “parece ser esse o caminho proposto pelos vereadores de oposição: pensar o município diante de novos ideais que representem a confiança, o respeito e a garantia de um governo novo em direção aos anseios da comunidade santanense” disse. 

Ele se manifestou ainda sobre a decisão do diretório municipal do Partido dos Trabalhadores (PT) de Santana do Cariri que na terça-feira (3) colocou o nome do vereador João Cabral a disposição do grupo de oposição para concorrer ao cargo de prefeito nas eleições do próximo ano.

Para Cicinho Macedo o vereador do PT é um dos quadros políticos qualificados da oposição para a disputa no ano que vem, ressaltou que o PT é uma das principais forças políticas do município e que sem dúvida nenhuma uma decisão sobre a sucessão de 2020 no município não pode passar sem ouvir a agremiação do partido dos trabalhadores, mas pondera que assim como os vereadores que assinaram a nota divulgada na segunda-feira (2), inclusive, João Cabral (PT) é preciso buscar a unidade dentro de um projeto que pense em primeiro lugar o povo santanense e a partir desse projeto aglutinar todas as forças de oposição em torno de um nome que represente as agremiações e lideranças que compõem o grupo de oposição que ao seu ver "é diversificado e grande e unido é imbatível" afirma.

     

Cicinho Macedo lembra que o atual prefeito foi eleito com o lema da renovação no sentido de juventude e governo, prometeu ser e fazer o novo e deu no que deu, com atitudes que para ele mais se aproximam das velhas práticas eleitoreiras como o clientelismo político, benefícios próprios e perseguição, enquanto a administração vai de mal a pior. Cicinho diz que é hora de renovar nas práticas, eleger bons projetos e pessoas capazes de desenvolver uma nova administração voltada ao interesse da comunidade, "que abandone o eu e se apegue ao nós" defende.  

Em:: , , , , ,

Seguidores