[Nova Olinda] Prefeito quer plano de gestão para açude Tatajuba e desmente rompimento de sangradouro

RANILSON SILVA | 17:04 |

Terça-feira, 24 de março de 2020 

Com o registro do sangramento do açude Tatajuba na localidade de mesmo nome na zona rural de Santana do Cariri, os moradores do município de Nova Olinda já se preocupam com um problema que se arrasta há anos. A possibilidade de rompimento da parede do açude que tem capacidade para acumular cerca de 7 milhões de metros cúbicos de água. O medo dos moradores da cidade de Nova Olinda é por conta de não saber ao certo que tipo de impacto causaria o alagamento eventual por uma enchente do Rio Cariús que corta a cidade. 

O açude fica em um ponto mais elevado em relação à cidade, a 15 Km, tem na sua extensão desde o leito até a cidade, diversas comunidades com aglomerados de pessoas. 

A água do reservatório que está sangrando se junta à do Rio Cariús, que corta a cidade. Daí, o medo dos moradores, que, caso o volume cresça, a ponto de romper a parede do sangradouro pode vir a se romper. 

Por não existir nenhuma informação oficial a cerca da situação sobre a segurança que a parede do açude pode representar diante do grande volume de água que o reservatório tem nesse momento, a população ribeirinha teme pelo que pode acontecer. Fotos e vídeos que circulam na internet mostram um espaço estreito do sangradouro, forte volume de água, muito capim na parede. 

Pelas imagens publicadas, especialmente em grupos de Whatsapp, o escoamento da barragem parece norma, não apresenta riscos de arrebentar, no entanto, sem um posicionamento oficial das autoridades as notícias falsas, opiniões sem qualquer fundamentação técnica tomam conta das redes sociais, a maioria com previsões catastróficas, chegam a garantir que o rompimento já aconteceu. 

Prefeito de Nova Olinda defende plano gestão para o açude  

Preocupado com a situação o prefeito de Nova Olinda, Ítalo Brito, na tarde deste terça feira (24), enviou uma equipe da prefeitura ao local para dar um parecer sobre o caso. De acordo com o prefeito as notícias que dão conta do rompimentos na tarde desta terça-feira são faknews. 

O prefeito de Nova Olinda mandou a sua assessoria fazer um relatório que vai compor uma notificação oficial ao governo do estad o por meio da Companhia de Gestão de Recursos Hídricos- COGER, Defesa Civil e do Corpo de Bombeiros. 

"É imprescindível que nós tenhamos uma posição oficial e não ficar a mercê de postagens muitas vezes carregadas de falsas informações e até de mal intenções, estou sempre atento aos interesses do nosso povo e farei o possível para atuar no sentido de dar uma resposta efetiva para essa situação, buscar dos entes responsáveis as respostas adequadas" diz o prefeito. 

O Ministério Público do Estado do Ceará (MPCE) também será notificado da situação do açude Tatajuba pelo prefeito de Nova Olinda. 

As principais resposta hoje para o prefeito é se existe tecnicamente o risco de rompimento, em caso de positivo qual efetivamente este risco, que procedimentos preventivos devem ser adotados, criar um plano de evacuação em caso de necessidades e um plano de emergência em socorro às possíveis vítimas. 

O prefeito reconhece que em 75 anos de existência do açude não existe um plano de prevenção de catástrofe e nem de atuação em caso de desastre. Para ele é urgente elaborar um plano de gestão para o açude. 

Ítalo Brito diz que é preciso haver a partir de ágora um trabalho em conjunto das prefeituras de Nova Olinda e Santana do Cariri com os órgãos estaduais para se proteger de uma eventual situação de crise causada por o rompimento do açude e adotar medidas que evitem de isso acontecer.

Em::

Seguidores