[Nova Olinda] Após reunião na casa de Afonso PT define candidatura de Socorro

Ranilson Silva | 13:39 |

Quinta-feira, 9 de julho de 2020


O Partido dos Trabalhadores – PT, Nova Olinda (CE), já tem candidatura própria a prefeito. A professora Socorro Matos que na eleição anterior enfrentou e perdeu a disputa para o prefeito cassado agora teve o seu nome confirmado com o apadrinhamento de Afonso Sampaio. 

A decisão de lançar pela segunda vez consecutiva o nome da sindicalista para compor a cabeça de chapa do PT aconteceu durante uma reunião realizada na noite desta quarta-feira (8) às 19 horas na casa do ex-prefeito no bairro Lagoinha. A confirmação veio por meio de um áudio no WhatsApp do presidente da legenda. 

A reunião, segundo testemunhas, serviu para Afonso Sampaio anunciar a sua desistência de disputar as eleições deste ano alegando razões pessoais. Após o encontro, o presidente municipal do PT, Damião Aureliano, que esteve na casa do ex-prefeito por 2 vezes nos últimos dias fez o comunicado em áudio que circula na internet.  

“Eu participei sim da reunião” diz o presidente do PT de Nova Olinda em um áudio que circula pelo WhatsApp em que ele admite a sua presença no encontro ao ser questionado por petistas do motivo que tem levado o PT local, que tradicionalmente se opõem ao ex-prefeito Afonso, a participar de reuniões na casa do adversário. 

Damião Aureliano diz no áudio que essa sua ida a casa do ex-prefeito foi motivada para negociar o apoio do ex-prefeito e viabilizar a candidatura própria do partido. 

“...Nós tem nossa candidatura a prefeita e nós estamos conversando e pedindo apoio para quem quiser vir votar” afirma o presidente do PT. 



Para ele esse agrupamento do PT em aliança com o grupo do ex-prefeito é uma coisa natural. 

 “Faz parte da política” diz. 

Damião Aureliano que Há poucos dias se orgulhava do fato que segundo ele em 20 anos de militância política nunca se aliou as famílias Alencar e Sampaio dessa vez escolheu um lado. 

Print de declaração em rede social

“Estamos construindo uma coligação pras pessoas dar uma base pra gente, faz parte da política” presidente do PT de Nova Olinda. 

Base essa que o ex-prefeito reuniu na sua casa na noite anterior com a presença de seus familiares como a ex-secretária de Cultura, Wildiane Sampaio, com o esposo e ex-secretário de Serviços Públicos, Toizinho Sampaio, o ex-secretário de Agricultura Venâncio Guerreiro. Além de familiares o ex-prefeito reuniu ainda o vereador Tier Feitosa (PSDB), o ex-vice prefeito Idemar Alencar e a presidente municipal do PDT Andréia Silva. 

Apesar da desistência anunciada pelo ex-prefeito de concorrer ao cargo e colocar o seu grupo político a disposição do PT da própria reunião participaram outros 2 pré-candidatos do PSD, Tier Feitosa e Idemar Alencar, no entanto, o presidente do PT garante que a cabeça de chapa fica mesmo com a professora Socorro Matos e quem quiser fazer parte da “ampla aliança” já entra sabendo que só há espaço para votar e não para ser votado. Ou seja, um dia após obter a fiança do ex-prefeito para a candidatura própria do partido o presidente do PT afirma para aliados que o grupo do ex-prefeito vai servir de coadjuvante para o partido nas eleições deste ano. 

O posicionamento contraditório do presidente do PT põe em dúvidas sobre a independência ou dependência da pré-candidatura da ex-vereadora. 

O anúncio da candidatura própria tão propagada para ser feita em reuniões nas quais nada foi decidido e o que foi decidido não foi anunciado acabou acontecendo por via de um áudio em rede social no qual o dirigente partidário não explica os detalhes da aliança formada, só confirma o nome da pré-candidata. 

Em:: , , ,

Seguidores