[Nova Olinda] Prefeitura lança editais para a aquisição de alimentos através do PAA no segundo semestre letivo

Ranilson Silva | 13:46 |

Terça-feira, 4 de agosto de 2020



Se antecipando a abertura do segundo semestre letivo a prefeitura de Nova Olinda por meio da Secretaria do Desenvolvimento Rural - SDR lançou na última quarta-feira (29/07) dois editais para a compra e distribuição de alimentos através do Programa de Aquisição de Alimentos – PAA. O primeiro edital se destina a entidades que serão beneficiadas com a doação dos produtos da agricultura familiar do município, o segundo edital é para os produtores e agricultores familiares que serão os fornecedores dos produtos.

No primeiro semestre a prefeitura injetou cerca de R$ 65 mil reais por meio do PAA e do Programa Nacional de Alimentação Escolar - PNAE na agricultura familiar beneficiando 36 famílias, 8 Escolas Municipais e o Hospital Municipal foram contempladas com as doações. Como as escolas não estão funcionando em regime de aulas presenciais as instituições fizeram doações diretas dos itens da alimentação escolar para os estudantes de famílias carentes através de kites de alimentação produzidos e entregues por cada unidade escolar. Foram beneficiados 2.907 alunos da rede municipal de ensino.

O programa compra diretamente dos agricultores que apresentam a Declaração de Aptidão ao Programa Nacional de Fortalecimento da Agricultura Familiar – DAP. A distribuição dos recursos é feita de forma que 40% atende a agricultoras mulheres, outros 40% atende pequenos agricultores do chamado grupo de DAP b, 20% dos recursos restantes podem ser investidos na compra de grandes produtores. A aquisição dos produtos atende as necessidades do cardápio servido pelas escolas e é previamente aprovado pelo Conselho Municipal da Alimentação Escolar como explica o Coordenador de Gestão da SDR o senhor Bebeto Teles.
O coordenador conta que para participar do consocio de compras os agricultores compareceram à SDR nos dias 29 a 31 de julho munido de documentos pessoais e de comprovantes de residência para a adesão ao programa. Pelos critérios os produtos que serão comprados pelo programa são 50% de produtos de origem animal, 35% de produtos de Hortifrúti e 15% de produtos processados.

Em::

Seguidores