[Nova Olinda] Junho começa com taxa zero de novos casos da covid-19 e traz esperança para superar a segunda onda no município

Ranilson Silva | 07:30 |

 4 de junho de 2021

Gráfico do Integrasus

Os valores  variam de 0 a 1, onde 1 representa o pico de casos


A primeira semana de junho termina com dados positivos a respeito da campanha de combate ao coronavírus no município de Nova Olinda/CE. O número de casos de covid-19 ficaram estabilizados na última semana epidemiológica em comparação com a semana anterior. A última semana epidemiológica corresponde ao período de 27 de maio a 2 de junho. A semana anterior foi de 18 a 26 de maio.

Os dados estão no Boletim Epidemiológico da Covid-19, divulgado no sistema IntegraSus pela Secretaria da Saúde do Estado do Ceará. O sistema avalia a evolução da pandemia no estado do Ceará e traz dados dos 184 municípios  sobre a pandemia. 

O termo semana epidemiológica é empregado para designar períodos utilizados por autoridades de saúde com base na evolução do coronavírus por municípios.

Com a segunda onda o município atingiu o pico máximo de casos em abril 

 
Há exatos dois meses em 04 de abril deste ano o município de Nova Olinda iniciou um período de convivência com a chamada segunda onda da covid-19 em seu território, naquele dia a incidência de novos casos diários era de 0,05 e quatro dias depois em 08 de abril o índice já alcançava a taxa de 0,25. Depois disso o índice de novos casos não parou mais de subir até atingir o pico máximo de novos casos confirmados com taxa 1 em 20 de abril. De lá para cá por poucos dias a população teve trégua no registro de novos casos. 

Em maio o pico de registro de novos casos da doença aconteceu no inicio da segunda quinzena em 17 de maio quando a taxa voltou ao topo da incidência em 0,8. Nas duas últimas semanas do mês de maio a taxa se manteve no patamar preocupante mas fechou o mês em queda em relação ao pico da segunda onda entre abril e a primeira quinzena de maio. 

O mês de junho começa com boas notícias sobre a redução de casos novos da doença com taxa zero na primeira semana junina, taxa de letalidade também em zero, baixa ocupação de leitos e alta nos índices de cura apontam para uma superação do pico da segunda onda da covid-19 no município ocorrida entre abril e maio passados.          

Nova Olinda tem forte queda de casos confirmados 


Os dados da média móvel mostram que na última semana nenhuma das notificações feitas pela Secretaria Municipal de Saúde - SMS  testaram positivo para covid-19 no município.

Os casos notificados como positivos pela SMS em seus boletins diários já aguardavam resultados das notificações feitas nas semanas anteriores e obtiveram a classificação de cura na mesma proporção que o número de casos confirmados, por isso, o sistema integrasus não registra a incidência de novos casos na última semana epidemiológica.

No intervalo analisado foram 31 casos confirmados enquanto 35 casos receberam alta por cura fazendo com que a curva de notificação de casos positivos sofresse uma oscilação negativa no período com taxa zero num intervalo de valores que variam de 0 a 1, onde 1 representa o pico de casos e zero indica a mais baixa incidência de novos casos.


Casos suspeitos 


No mesmo período foram feitas 101 notificação de casos suspeitos que no sistema são considerados os casos em investigação sem solicitação de exame, casos aguardando resultado de exame ou ainda casos com resultado do exame inconclusivo.


Taxa de ocupação de leitos é de 40%


Apesar do aumento de casos mais graves da doença a taxa de ocupação de leitos na Unidade Sentinela anexa ao Hospital Municipal sofreu redução de 100% para 40% em uma semana graças ao aumento da oferta de leitos pela prefeitura. No período a unidade covid ampliou em 60% a sua capacidade de internamento em enfermarias exclusivas para pacientes com quadros mais agressivos da doença.   

Média da taxa de letalidade é abaixo das médias nacional, do estado e da região   


A curva epidemiológica de mortes causadas pelo coronavírus também oscilou para baixo nesta última semana epidemiológica saindo de 0,14 na semana anterior para 0 na semana atual. 


Gráfico do Integrasus
Na média geral a taxa de letalidade do coronavírus no município de Nova Olinda é de 1,4 % ficando abaixo da média nacional que é de 3%, atrás da taxa de mortalidade no estado do Ceará que é de 2,6%. Nova Olinda também tem a taxa de letalidade menor do que a média regional dos municípios que compõem a 20ª Microrregional de Saúde sediada em Crato que é de 1,6%. Quando comparada aos municípios vizinhos a taxa de mortalidade de Nova Olinda é ainda menor com Altaneira que tem a taxa de 3,4% e Santana do Cariri com a taxa de 2,5%.   



Em::

Seguidores